Follow by Email

sexta-feira, 29 de abril de 2011

peles sensívies;cuidados ao barbear

Meus amores.. segue dicas super legais para vocês que sofrem ao barbear pela pele sensível.


Dicas para os homens que ficam com a pele muito machucada ao se barbear

Com o decorrer do tempo, os homens têm se tornado cada vez mais vaidosos e preocupados com aspectos que antes lhes pareciam irrelevantes. Um bom exemplo é o cuidado que dedicam à pele atualmente.
Devido a ação da testosterona (hormônio masculino), as glândulas sebáceas masculinas são mais estimuladas que as femininas e, como conseqüência, em geral a pele dos homens é mais oleosa que a das mulheres. Mais as diferenças não param por aí. A produção de fibras de colágeno dérmico (que conferem firmeza à pele) ocorre em maior quantidade em homens, e ela é responsável por um ritmo de envelhecimento mais lento. A perda de água e outros nutrientes também ocorre de maneira diferente na pele dos homens, o que ameniza as variações entre pele oleosa, seca, normal ou mista.
Até pouco tempo atrás, era limitado aos homens preocupar-se apenas com o barbear. Cuidados extras, como cremes que hidratam eprotegem do sol não eram muito bem vistos. Hoje, de acordo com a evolução cultural que confere aos homens em relação a essa preocupação estética fez com que a indústria de cosméticos investisse cada vez mais em linhas masculinas. E os acessórios como lâminas de barbear ebarbeadores elétricos evoluem constantemente a fim de não agredir a pele do rosto.
Uma barba bem feita proporciona um visual bem cuidado e implica em uma boa aparência, imagem de alguém caprichoso e dedicado.
As vantagens do barbeador elétrico em relação às lâminas vão desde a redução do tempo dedicado à função até a diminuição da irritabilidade da pele, pois, apesar de todas as peculiaridades da pele masculina, ela pode ser tão sensível quanto à feminina.
Nos casos de peles sensíveis, alguns cuidados precisam ser providenciados para que aquela aparência desagradável de pele empolada possa ser evitada, bem como cortes e infecções. Pelos encravados e pele ressecada dificultam o barbear e aumentam a probabilidade de irritação.
O primeiro passo é analisar a pele e definir o tipo no qual ela se encaixa. Isso auxiliará na escolha da forma específica do produto que deve ser adotado por cada pele: mousse, creme ou gel. Estes produtos devem ser utilizados para hidratar a pele, amolecendo os pelos com maior facilidade e contribuindo com o barbear.
Bálsamos e loções pós-barba têm efeito suavizante, fundamental para peles sensíveis, e proporcionam uma sensação de refrescância, além de contribuir com a hidratação.
Mas porque devemos nos preocupar tanto com a hidratação da pele?
A pele hidratada é muito mais resistente às agressões externas porque o manto hidro-lipídico (fina camada líquida) atua como uma barreira aos agentes agressores, protegendo contra ressecamento, irritações, envelhecimento precoce e, inclusive, infecções, pois produz substâncias que combatem uma série de bactérias responsáveis por causar infecção.
Dicas importantes para homens que tem pele sensível:
• Os melhores momentos para remover os pelos da barba são logo após o banho, quando o rosto está úmido e a pele mais macia, ou à noite, quando o rosto tem mais oleosidade natural e a pele está relaxada;
• Providencie para que a pele esteja limpa e hidratada lavando bem o rosto e usando um hidratante ou algum produto específico para amaciar os pelos da barba;
• Comece pelas áreas com pelos mais macios, como as faces do rosto e o pescoço;
• Passe a lâmina na direção do crescimento dos fios;
• Estique a pele enquanto faz a barba, usando as duas mãos. Uma para segurar o barbeador, a outra para esticar bem a pele, evitando cortes;
• Ao finalizar o processo, enxágüe o rosto com água em abundância e não esfregue a toalha no rosto, apenas seque-o levemente;
• Não esqueça de usar uma boa loção pós-barba que, além de fechar os poros, alivia as irritações provocadas por agressões do barbeador. Porém, prefira aquelas que não são elaboradas a base de álcool, pois este componente pode irritar ainda mais a pele sensível;
 Se a sua pele é muito sensível, evite usar bronzeadores ou filtros solares imediatamente após o barbear. Evite também fazer a barba no mesmo dia em que irá nadar, pois o cloro e o sal da água irritam a pele;
• Durante o fim de semana, dê um descanso para o seu rosto;
• Opte por produtos que já possuam ativos hidratantes e anti-radicais livres, pois auxiliarão o combate ao envelhecimento cutâneo;
• Evite o uso excessivo de sabonetes, buchas ou banhos muito quentes e prolongados;
• Lembre-se de que não existe o melhor tipo de instrumento para barbear, portanto, escolha aquele que se adapta melhor à sua pele, tipo de barba e habilidade;
• Os barbeadores elétricos são os mais práticos porque não precisam de cremes e praticamente são indolores. Também são os mais indicados às peles sensíveis por não cortarem o pelo tão rente, diminuindo a agressão em peles que apresentam foliculite (bolinhas de pus com discreta vermelhidão ao redor);
• Para evitar pelos encravados é recomendado fazer uma leve esfoliação todo dia durante o banho ou pela manhã.
 Além destes cuidados, alguns outros, especiais, devem ser tomados durante o inverno, época na qual a pele se torna mais propensa a irritações devido às agressões do frio e ausência do suor, fator hidratante natural.
Aplicar um cosmético potente diariamente é a primeira ação que deve ser adotada para se hidratar a pele e evitar sinais de descamação. Em relação ao banho, o ideal é que a temperatura da água permaneça em torno de 22°, sem ultrapassar 26°, permitindo a permanência do manto hidro-lipídico, que é um cosmético natural da pele.
Alimentar-se de maneira equilibrada também é muito importante. É indicada a ingestão de frutos do mar, que são ricos em zinco e cobre, minerais essenciais à saúde da pele. Os vegetais verde-escuro têm ácido fólico e ferro e os coloridos têm pró-vitamina A (beta-caroteno), ambos importantes para a pele e o cabelo.
Durante o verão, o cuidado principal, tanto para homens quanto para mulheres, em todas as idades, é o uso do protetor solar. Sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário